reclame aqui claro

Você está satisfeito com sua operadora Claro? Seja qual for a empresa de telefonia que você escolheu, pode ser que algum serviço esteja lhe deixando insatisfeito. Há hoje na internet diversos sites onde você pode colocar sua reclamação, alguns deles são o ReclameAqui, o Proteste e a própria Anatel. Fique também à vontade para colocar aqui a sua reclamação, este é mais um canal para você dizer o que não está funcionando no seu plano ou na sua conta de celular.

A Claro é uma empresa operadora de telecomunicações que foi criada no Brasil, resultado da união de seis operadoras regionais: Americel (Acre, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Tocantins), ATL (Espírito Santo e Rio de Janeiro), BCP (São Paulo, Pernambuco, Alagoas, Ceará, Paraíba, Piauí e Rio Grande do Norte), Claro Digital (Rio Grande do Sul) e TESS (interior e litoral de São Paulo). Em 19 de setembro de 2003, foi anunciada a consolidação de todas essas operadoras sob uma única marca, a Claro. É controlada pela empresa mexicana América Móvil, um dos maiores grupos de telefonia móvel do mundo que, a partir de 2006, passou a adotar a marca Claro em 16 países da América Latina.

Reclamações na Anatel

Como consumidor de serviços de telecomunicações tais como telefonia e internet, você tem o direito de registrar, junto à Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), reclamações contra as operadoras de serviços quando considerar que elas não estão cumprindo suas obrigações. Antes de fazer isso, porém, a Anatel recomenda que você se atualize sobre seus direitos como consumidor de serviços de telecomunicações, e, principalmente, que siga os passos abaixo:

reclamacao anatel

Fonte: Anatel

Fale primeiro com a sua operadora. Anote e guarde o protocolo de atendimento pois ele é a prova de que a operadora sabe de seu problema e lhe deve uma resposta. A sua operadora é obrigada a lhe fornecer qualquer informação sobre o serviço que você contratou. Também é obrigada a resolver os problemas técnicos ou de cobrança que possam ocorrer – e têm prazos para fazer isso.

Se a operadora não responder, ou se a resposta não for satisfatória, entre em contato com a Anatel. Anote e guarde o número que lhe será fornecido. Tenha em mãos o número de protocolo da operadora. Caso a reclamação seja feita por alguém que não é o usuário titular do acesso, é necessário apresentar procuração. Você pode entrar em contato com a Anatel por meio da Internet – FOCUS – Suporte do Atendimento aos Usuários; da Central de Atendimento Telefônico gratuito, no número 1331 – ou 1332, para deficientes auditivos (não há necessidade de acrescentar o código DDD); do aplicativo “Anatel Consumidor” (disponível para os sistemas Android e iOS.

A Anatel lhe fornecerá um número da solicitação. Anote e tenha essa informação sempre em mãos. Ela será útil sempre que você entrar em contato com a Agência. Aguarde e acompanhe o prazo de cinco dias úteis para resposta.

Assim que recebe sua reclamação, a Anatel a encaminha para a sua operadora de serviços, que terá cinco dias úteis para dar uma resposta ou solução. Será a operadora, e não a Anatel, quem irá lhe responder. Você pode acompanhar o andamento da solicitação pela internet, no site da Anatel, pelo aplicativo “Anatel Consumidor” ou ligando para o 1331. Neste último caso, você não precisa nem esperar o atendente. Basta digitar o número da solicitação, quando indicado.

Se, após cinco dias úteis você não receber uma resposta de sua operadora, entre em contato com os mesmos canais de atendimento da Anatel para reiterar sua reclamação. Caso a operadora tenha respondido, mas a resposta não tiver sido adequada, você tem o prazo de até 15 dias (contados a partir da resposta) para voltar a entrar em contato com a Anatel e solicitar a reabertura da reclamação original.

Estatísticas de Reclamações da Claro na Anatel

No ano de 2017, a Anatel registrou 3.405.697 reclamações contra as operadores. Os serviços de banda larga fixa, de telefonia fixa, de telefonia móvel nas modalidades pré-paga e pós-paga, e o de TV por Assinatura registraram redução nas reclamações no ano de 2017. Juntos, eles totalizam 327.267.253 contratos ativos. A entidade considera que a redução das reclamações contra prestadoras de telecomunicações é, principalmente, consequência da diminuição das ocorrências de problemas no funcionamento dos serviços fixos. Contudo, informa que há ainda bastante espaço para a redução deste tipo de reclamações, especialmente na banda larga fixa.

No ranking geral, somando-se todas as reclamações por grupo econômico, a Oi foi a empresa com mais queixas. Estas somaram 894 mil. Em segundo lugar em número de queixas ficou a Vivo, com 808 mil. A Claro Brasil, que reúne Claro, Net e Embratel, teve 749 mil reclamações. A TIM teve 564 mil reclamações.

Neste ano de 2018, a Anatel deve iniciar processos de fiscalização relativos às falhas de informação na oferta e contratação de serviços e nas alterações de planos e pacotes, à indisponibilidade das informações obrigatórias no espaço reservado ao consumidor nos portais online das prestadoras, e às dificuldades em cancelamento dos serviços de telecomunicações. Estudos realizados pela Superintendência de Relações com Consumidores associam problemas na oferta dos serviços e na clareza das vendas ao consumidor à alta prevalência de reclamações sobre cobrança.

Telefonia Móvel Pré-paga
Prestadora Volume de Reclamações
2016 2017 2017-2016 Variação
TIM 266.677 244.952 -21.725 -8,1%
VIVO 135.324 97.199 -38.125 -28,2%
CLARO 109.259 79.725 -29.534 -27,0%
OI 82.747 62.235 -20.512 -24,8%

Reclamações das principais operadoras na Anatel

Na telefonia móvel pós-paga, a TIM foi a única que registrou aumento de reclamações. No entanto, em todas as principais prestadoras, as reclamações relativas a cancelamento e a atendimento caíram.

Telefonia Móvel Pós-paga
Prestadora Volume de Reclamações
2016 2017 2017-2016 Variação
VIVO 360.326 298.585 -61.741 -17,1%
TIM 296.925 319.740 22.815 7,7%
CLARO 286.082 265.563 -20.519 -7,2%
OI 180.838 152.189 -28.649 -15,8%

Reclamações das principais operadoras na Anatel

Claro Reclame Aqui

As quatro principais operadoras de telefonia do país deixaram de responder mais de 250 mil reclamações feitas por consumidores nos últimos 12 meses no site ReclameAqui. Segundo o CEO do site de reclamações, Mauricio Vargas, são recebidas uma média de 500 mensagens por mês de usuários reclamando apenas dessa falta de resposta das operadoras. O executivo destaca ainda que a maior parte dos cerca de 700 mil usuários que entram no ReclameAqui diariamente o fazem para justamente verificar a reputação das empresas cadastradas – apenas cerca de 5% registram novas reclamações.

Nos últimos 12 meses, a Claro possui 35.896 reclamações no site Reclame Aqui. Nenhuma reclamação foi atendida pela empresa no site. De acordo com as avaliações dos usuários, apenas 22,4% das pessoas voltaria a fazer negócio com a empresa. O índice de solução também é baixo, apenas 33,4%. Devido a tantas reclamações não atendidas, a nota da empresa no ReclameAqui é muito baixa: 1,83%.

A maioria das reclamações da Claro no site ReclameAqui é sobre cobrança indevida (4.361), consumo de crédito (15.092), mau atendimento do prestador de serviço (1.202), consumo de crédito (1.171), mau atendimento (4.681), cancelamento/troca de pacote (664), qualidade da internet (660), cancelamento (643), planos e tarifas (579), mudança de plano (477) e qualidade do serviço (442).

Os produtos da Claro mais reclamados são planos pós pagos (35.934), planos pré-pagos (19.855), telefonia fixa (5.236), internet para celular (2.969), equipe de atendimento (2.505), canais de atendimento (2.433), intenet para casa (2.071), celular (1.812), TV por assinatura (1.456) e smartphone (1.121)

Resposta da Claro: “A Claro, comprometida com a melhoria contínua da qualidade do atendimento aos seus clientes de todo o Brasil, disponibiliza diversos canais ao consumidor e trabalha para oferecer, em todos eles, um serviço de excelência. A operadora se coloca à disposição para atender a todos em seus canais disponíveis: SAC 1052, Fale Conosco, Chat, Atendimento por Carta, Redes Sociais (Facebook), consumidor.gov.br ou pelo site www.claro.com.br.”

9 thoughts on “Reclamações da Claro

  1. Essa porcaria de empresa está cobrando um chip deinternet que nunca utilizei e fui na loja cancelar e ainda estão me cobrando além de uma porcaria de serviço de celular e velocidade de internet agora isso depois que sai

  2. Então, ontem a noite coloquei dez reais de crédito, fui ver, consta no meu aparelho que meu saldo está em 0,03 sendo que eu nao usei meus creditos, quero uma devoluçao. Obrigado

  3. Sinceramente acho que foi a pior operadora que contratei vou para o terceiro mês pagando minha fatura sem acesso ao proprii telefone .ja liguei pra todo os numeros que me apresentaram email, e atendimento online chat e não consigo soluções. Porque tanto descaso dessa operadora 😱

  4. Troquei de pacote e estou uma semana esperando o tecnico da vivo vir trocar o aparelho ligo quase todos os dias reclamando sendo que eles tem o pras de 48 horas e fui no Procon nem eles conseguiram resolverme falaram que nao podem obrigar eles virem e que o máximo que podem fazer é canselar o pacote

  5. em 30/12/2017 aderi a um plano de tel. móvel da claro, este não funcionou, no mesmo dia entrei em contato e pedi o cancelamento, no dia seguinte, 31/12/2017 fui até a loja física reforcei o cancelamento, tenho os números de protocolo, no entanto, para minha surpresa, no final de mês recebi uma fatura, entrei em contato, e o atendente disse que já havia cancelado, isso se repeti algumas vezes, e parou, achei que tava tudo certo, até que, uma empresa chamada acordo certo, começou me enviar mensagens de cobrança, pedindo para Eu aceitar u acordo, estou tentando contato com a ouvidoria da claro, mas não estou conseguindo, pois é só pelo sait e lá não consigo.

  6. Estou muito decepcionada, pois sofri um roubo e levaram o meu RG e o celular, fui na loja claro solicitar o desbloqueio do chip e me disseram que por eu não o RG, com a carteira de trabalho, CPF e o Boletim de ocorrência eu conseguia fazer o desbloqueio, então levei estes documentos e fui até a loja para fazer o serviço, cheguei lá e não consegui fazer o desbloqueio, informaram para eu voltar quando tiver feito a 2ª via do RG. Impressionante que vou ter que aguardar quase 30 dias até o outro RG ficar pronto para eu conseguir desbloquear o meu chip e usar o celular, até lá fico incomunicável. Eu acho que em caso de roubo se a pessoa leva o BO, CPF e um documento com foto poderia ser mais fácil para ela conseguir ativar o chip novamente e não mais difícil. Vou ao PROCON reclamar porque estou passando por dificuldades e constrangimentos e preciso ativar novamente o chip para conseguir agilizar os meus compromissos. Não tenho culpa se fui roubada e levaram os documentos. Em qualquer lugar se a pessoa não tem o RG ou se foi roubado e ela ainda não fez a 2ª via, mas tem qualquer outro documento com foto e CPF ela consegue agilizar as coisas, somente na CLARO não é possível. Olha que eu ainda levei o BO e mesmo assim não consegui desbloquear. Isto é inaceitável e revoltante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.