Telefone UNIP 0800: Contato do SAC | Reclamação na Ouvidoria | Falar com Atendente | Chat no WhatsApp

A UNIP é uma universidade comprometida a formação dos seus alunos. Com uma história de mais de 30 anos de intensa dedicação em prol da educação, a UNIP é uma das instituições privadas de ensino superior e pesquisa mais conceituadas do Brasil. Assim, a Universidade Paulista vem sendo reconhecida como um importante centro de produção de conhecimento e de sua difusão a um número maior de pessoas, através das atividades de ensino, pesquisa, extensão e pós-graduação. O canal de atendimento ao aluno e candidato pode ser implementado de diversas formas tais como canal telefônico, chat online, email e redes sociais. O importante é saber que todo aluno ou candidato quer e tem o direito de ser bem atendido, seja lá qual for o produto ou serviço que estiver adquirindo. 

Ideias inovadoras, investimentos arrojados e centenas de profissionais capacitados garantem a melhor formação aos alunos da UNIP. Poucas universidades são tão modernas quanto a UNIP – hoje uma referência nacional no setor de educação. Inovar requer ousadia e coragem, mas acima de tudo sabedoria. É preciso valorizar as experiências adquiridas no passado, perceber todas as nuances da realidade que o presente coloca e, finalmente, estar atento às mudanças e às oportunidades que o futuro reserva.

Atendimento ao Consumidor

SAC é o Serviço de Atendimento ao Consumidor das empresas prestadoras de serviços e vendedoras de produtos. O objetivo deste canal de comunicação  é resolver as demandas dos consumidores sobre dúvidas, reclamações, cancelamentos, etc. O contado do cliente com o Serviço de Atendimento ao Consumidor deve ser gratuito, isto é, o atendimento das solicitações dos consumidores não pode resultar em qualquer custo.

Quanto à qualidade do atendimento, o SAC da UNIP deverá obedecer aos princípios da boa-fé, transparência, eficiência, celeridade e cordialidade, além disso, o atendente que lhe prestará o serviço deverá ser totalmente capacitado para lhe prestar o melhor atendimento possível. Você também possui o direito de ter seu contato transferido do atendente do SAC para o setor competente da empresa, que seja devidamente capacitado a atender os seus questionamentos. Confira a seguir todos os canais de contato da UNIP:

Falar com a Unip Contato UNIP
Telefone SAC Unip 0800-010-9000
Telefone Unip EAD 0800-010-9000
Telefone das unidades da Unip www.unip.br/localidades
WhatsApp Unip (11) 94303-5000
Chat chat.directtalk.com.br/static
Receber ligação da Unip www.unip.br/me-ligue
E-mail de atendimento atendimentoonline@unip.br
Suporte ao ex-aluno atendimento.unip.br/Alunos
Ouvidoria www.unip.br/universidade/ouvidoria

SAC UNIP

A UNIP promove a formação atualizada dos alunos e sua capacitação para uma sociedade em mudança, por meio de um ensino de qualidade, tecnologicamente avançado e dirigido para o futuro, nas áreas das ciências humanas, sociais, exatas e da saúde. Sua finalidade maior é promover o desenvolvimento do potencial dos alunos, estabelecendo condições que possibilitem uma inserção ativa no mercado de trabalho e a solução criativa de problemas que a sociedade propõe.

Utilizando a tecnologia como recurso, a UNIP criou uma plataforma que contribui para a melhoria das relações universidade-aluno, tornando-as mais justas e harmônicas para todos. Para manter em dia o compromisso de qualidade no atendimento, a UNIP oferece diversos canais de atendimento. Caso queira entrar em contato com a UNIP, deve-se usar um dos seguintes canais:

Qual é o telefone UNIP de Atendimento?

O telefone da UNIP é 0800-010-9000. Esse número é destinado a atender tanto pessoas que não são alunos e desejam se tornar quanto os alunos presenciais ou EAD. O atendimento está disponível para receber chamadas de segunda a sexta-feira, 07h às 21h, e aos sábados, das 07h às 15h, para assuntos relacionados a modalidade de ensino presencial.

Se você é aluno e deseja falar sobre tutoria EAD, o suporte está disponível 24 horas por dia. Ao ligar no SAC da Unip você terá acesso aos tópicos:

  • Digite 1: para informações sobre a Universidade Paulista Unip
  • Digite 2: para informações relacionadas ao Colégio Objetivo
  • Digite 3: para informações sobre o curso objetivo vestibulares

Ao selecionar o tópico principal você terá acesso a alguns assuntos relacionados a ele. Vá selecionando de acordo com o que você precisa até conseguir falar com um atendente.

Tem interesse em estudar na UNIP? A universidade também disponibiliza a opção de ligar para você. preencha os campos do formulário com as informações solicitadas: nome completo, telefone de contato, e-mail, curso pretendido e modalidade. Por fim, clique no botão “Enviar” e aguarde que algum funcionário da central esteja disponível para te auxiliar.

Qual é o WhatsApp da UNIP?

O WhatsApp da Unip é (11) 94303-5000. Envie mensagens relatando o motivo do contato e aguarde o retorno de algum atendente da central.

Qual é o fale conosco da UNIP?

A UNIP possui uma página de atendimento exclusiva para alunos EAD e outra para alunos de ensino presencial.

Qual é o chat da UNIP?

No site da UNIP você contra o Lucas, o assistente virtual da universidade. No canto direito inferior clique no botão “Oi! Posso de Ajudar?”. Caso seja um aluno(a) matriculado(a), você pode consultar notas, boletos, documentos pendentes, carga horária, visualizar contrato e solicitar documentos. Se não estiver matriculado(a), pode conhecer os cursos e fazer sua inscrição diretamente no assistente.

Qual é o email da UNIP?

O e-mail da Unip é atendimentoonline@unip.br. Esse endereço é destinado a quem ainda não é aluno da universidade e deseja tratar de assuntos relacionados à modalidade presencial. Para falar com a central da empresa por e-mail, basta escrever uma mensagem para o endereço em questão detalhando sua questão e aguardar a análise e resposta de algum atendente.

Ouvidoria UNIP

É muito comum que os consumidores não entendam a diferença entre SAC e Ouvidoria. O Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) é a forma direta de comunicação entre cliente e empresa para a resolução de problemas e dúvidas. Já a ouvidoria é um canal mais amplo do atendimento ao consumidor. A ouvidoria funciona como se fosse um coletivo de possibilidades que o cliente pode acessar, inclusive em órgãos de defesa do consumidor, antes de entrar de fato com um processo na justiça contra a empresa.

O contato com a ouvidoria deve ser a última tentativa de contato do cliente com a empresa antes de um processo judicial ser iniciado. Para ter acesso à ouvidoria, um cliente precisa primeiramente entrar em contato com o SAC. Se o atendente do SAC não solucionar o problema do cliente, o mesmo deve entrar em contato com a ouvidoria. Finalmente, se o canal de ouvidoria não resolver o problema, o cliente deverá acessar o órgão regulador da categoria ou ir à justiça para garantir seus direitos.

A UNIP quer ouvir sua opinião para melhorar sempre seus processos e cursos. Caso tenha sugestões, crítica ou elogios em relação aos serviços prestados ou uma reclamação não solucionada pela Central de Atendimento ao Aluno, entre em contato clicando aqui para ensino presencial ou clicando aqui para EAD.

Você receberá um retorno em até 10 (dez) dias úteis, contados a partir do envio da mensagem. No caso de reclamação, antes de entrar em contato com a Ouvidoria, é necessário que você já tenha buscado solução junto aos canais oficiais da Universidade e tenha aguardado o prazo informado para o atendimento de sua solicitação.

UNIP nas Redes Sociais

A UNIP também está antenada na modernidade tecnológica que nos cerca e, pensando nisso, a empresa também está presente nas principais mídias sociais. Através de canais como Facebook, Twitter e Instagram você poderá entrar em contato com a equipe de atendimento da UNIP. Confira:

Canais de Reclamações dos Consumidores

A UNIP trabalha com dedicação e esmero para lhe atender. Por isso, o objetivo da UNIP é proporcionar facilidade, comodidade e uma excelente experiência no seu serviço de atendimento. Sempre preocupada em aumentar a satisfação do aluno ou candidato e ajudá-lo no que for preciso, sanando dúvidas, auxiliando no que mais for preciso. Sabemos que os canais de atendimento ao cliente deveriam ser suficientes para você resolver todas suas questões, mas nem sempre isto é possível. Pensando nisto, preparamos uma lista de canais de reclamação que todo cidadão pode usar para realizar reclamações a respeito de produtos e serviços.

1 – consumidor.gov.br

O Portal do Consumidor é um recurso criado pelo Ministério da Justiça como parte do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor que possibilita ao consumidor fazer uma reclamação online contra uma empresa. É um serviço público e gratuito que permite a interlocução direta entre consumidores e empresas para solução alternativa de conflitos de consumo pela internet. A pessoa pode registrar uma queixa e a empresa tem até 10 dias para responder. Esse procedimento só é válido para aqueles fornecedores cadastrados no site. Ou seja, o serviço depende de uma adesão voluntária das companhias. O portal serve como um canal de comunicação e, no período de 10 dias, a empresa pode dialogar com o cliente. Ao fim do prazo, precisa dar uma resposta à demanda. Em seguida, o consumidor tem até 20 dias para comentar e classificar a resposta da empresa, informando se sua reclamação foi resolvida ou não resolvida, e ainda indicar seu nível de satisfação com o atendimento recebido. Caso não seja possível resolver sua reclamação por meio do portal, recomendamos que você busque o atendimento dos Procons, Defensorias Públicas, Juizados Especiais Cíveis, entre outros órgãos do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor, que poderão orientá-lo e auxiliá-lo na resolução de seu problema de consumo.

2 – Procons

Os Procons são órgãos vinculados aos governos estaduais que atuam na defesa dos direitos dos clientes. Tem como missão principal equilibrar e harmonizar as relações entre consumidores e fornecedores, elaborando e executando a política de proteção e defesa dos consumidores. As atribuições são amplas, destacando-se o trato das reclamações que envolvam o interesse da coletividade, função realizada pelos promotores de Justiça de Defesa do Consumidor. Nesse sentido, são combatidos atos como publicidades abusivas e enganosas, adulteração de produtos, ofertas de produtos ou serviços impróprios, cláusulas abusivas em contratos e práticas desleais ou coercitivas que firam os direitos do consumidor. Os procedimentos variam de acordos com os estados, mas há características comuns. Não há cobrança de taxas para o serviço e qualquer pessoa física ou jurídica pode fazer reclamações, online ou presencialmente, nas sedes e postos de atendimento (confira aqui o contato do Procon da sua região).

3 – proteste.org.br

A Proteste – Associação Brasileira de Defesa do Cliente é uma entidade civil sem fins lucrativos, apartidária, independente de governos e empresas, que atua na defesa e no fortalecimento dos direitos dos clientes brasileiros. Mantida com as mensalidades de seus associados, e com o aporte e a solidariedade de outras associações de clientes internacionais, a Proteste ajuda os cidadãos a fazer valer seu poder de compra e a conhecer seus direitos. A Proteste intervém, sempre que necessário, nos conflitos de associados com fornecedores e encaminha às empresas e às autoridades reivindicações e propostas pertinentes para melhorar produtos e serviços. O canal de reclamações permite que os associados e usuários registrados encaminhem uma reclamação diretamente para uma empresa e solicitem o apoio de um de especialistas. Estas reclamações são enviadas pelos clientes diretamente para as empresas através desta plataforma. Reclamações encaminhadas por clientes que solicitam a ajuda de especialistas são analisadas e tratadas cuidadosamente pelos especialistas em Defesa do Cliente. Os clientes devem entrar em contato com a empresa diretamente antes da Proteste intervir.

4 – Defensorias Públicas

Segundo a Constituição da República, “a Defensoria Pública é instituição permanente, essencial à função jurisdicional do Estado, incumbindo-lhe, como expressão e instrumento do regime democrático, fundamentalmente, a orientação jurídica, a promoção dos direitos humanos e a defesa, em todos os graus, judicial e extrajudicial, dos direitos individuais e coletivos, de forma integral e gratuita, aos necessitados” (art. 134,caput). Em outras palavras, é dever do Estado, através da Defensoria Pública, garantir assistência jurídica integral e gratuita àqueles que não podem custeá-la. Isso significa muito mais do que o direito a assistência judicial, abrangendo a defesa, em todas as esferas, dos direitos dos necessitados. A Defensoria Pública presta consultoria jurídica, ou seja, fornece informações sobre os direitos e deveres das pessoas que recebem sua assistência. É com base na resposta à consulta que o assistido pela Defensoria Pública pode decidir melhor como agir em relação ao problema apresentado ao defensor público. Confira aqui os contatos das defensorias públicas.

5 – Juizados Especiais Cíveis

Para quem recorre à Justiça, a alternativa mais simples é entrar com uma reclamação em um Juizado Especial Cível (confira aqui o juizado da sua região), que são instâncias específicas dos tribunais de Justiça de cada estado. Pessoas físicas com mais de 18 anos, micro e pequenas empresas e organizações da sociedade civil podem acessar este recurso. As reclamações têm limite de 40 salários mínimos. Se o valor da causa for maior, o consumidor só poderá receber até este limite. Se o caso for de valor de até 20 salários mínimos, não é necessário contratar advogado. No entanto, se o valor for superior, a presença deste profissional passa a ser necessária. As reclamações devem ser feitas por escrito, com cópias de documento de identidade, CPF, comprovante de residência e outros documentos que embasem o processo. É preciso ter também dados da pessoa acionada, como nome, endereço, nacionalidade e profissão. Os juizados especiais buscam resolver os processos por meio de acordos. Para isso são chamadas audiências de conciliação. Caso não haja consenso, o juiz responsável pode determinar uma sanção se considerar que o consumidor está correto em seu pleito.

6 – MEC

Para evitar problemas durante a graduação e a pós-graduação, os estudantes devem ficar atentos a situações irregulares ou até criminosas em que possam incorrer. Por isso, é importante verificar os quesitos que competem à instituição de educação superior obedecer; além disso, cabe aos próprios alunos seguirem determinadas práticas. O MEC mantém canais de comunicação com os estudantes para receber denúncias e reclamações: o Fale Conosco do portal ou a central telefônica 0800-616161. Além disso, para questões contratuais ou para fazer denúncias, o estudante pode procurar o Procon local ou o Ministério Público Federal.

Mais informações sobre a UNIP

A UNIP (Universidade Paulista) iniciou suas atividades em 9 de novembro de 1988. Foi constituída a partir do Instituto Unificado Paulista (IUP), do Instituto de Ensino de Engenharia Paulista (IEEP) e do Instituto de Odontologia Paulista (IOP). Em 2004, a UNIP foi credenciada para ofertar cursos superiores na modalidade de Educação a Distancia (EAD). Hoje, em razão do processo de evolução, a UNIP, por meio de uma proposta acadêmica moderna, vem expandindo suas atividades por diversos Campi, visando à preparação de recursos humanos altamente qualificados demandados pela política de desenvolvimento nacional.

Em plena expansão, a UNIP tem como foco o atendimento qualificado, a prática de preços justos e uma ampla variedade de cursos. A UNIP trabalha para o aluno. Procura não apenas atender às suas necessidades, mas superar expectativas. O intuito é encantar e fazer com que os alunos tenham a melhor experiência. Ao se tornar aluno da UNIP, você terá todo o suporte para ter um excelente serviço, com diversos canais de contato conforme a sua necessidade.

Confira também o telefone da Faculdades IBRA.

7 comentários em “Telefone UNIP 0800: Contato do SAC | Reclamação na Ouvidoria | Falar com Atendente | Chat no WhatsApp”

  1. No dia 14.03.2022 eu postei a minha documentação de estágio e o prazo para a liberação era de 7 dias úteis. Pretendo fazer estágio em uma escola estadual na parte da manhã no Ensino Médio e na parte da tarde no Fundamental II.
    No dia 23.03.2022, como não tinha recebido nenhuma resposta, abri uma solicitação no chat.
    No dia 25.03.2022 recebi uma devolutiva do Setor de Estágio de que eu deveria ter feito duas postagens com os INEPs das escolas. Ora, trata-se da mesma escola e do mesmo INEP, por isso, fiz uma postagem só. Ficou claro que a pessoa do Setor de Estágio, além de responder fora do prazo, não leu a documentação.
    No próprio dia 25.03.2022 fiz duas postagens conforme solicitado pelo Setor de Estágio e até agora não recebi a liberação da documentação para que eu possa iniciar o estágio.
    Cumpre salientar que eu deveria ter começado o estágio no dia 24.03.2022 e até agora a UNIP não liberou a documentação. Corro o risco de perder o estágio e não conseguir me formar. Já está difícil de arrumar um estágio, pois as escolas só estão aceitando estagiários para o segundo semestre em virtude da Pandemia. Fui em várias escolas públicas e particulares e não consegui nenhuma que me aceitasse. Depois de muito esforço consigo uma escola e a UNIP não faz a parte dela, que é analisar e liberar a documentação dentro do prazo estabelecido por ela mesma.
    Tentei por vários meios entrar em contato com a UNIP: telefone via tutoria, chat, polo e não obtenho resposta.

    Responder
  2. Eu, Tamires Zaarour Azevedo, entrei em contato com o Polo da UNIP-Caruaru, no final do mês de agosto de 2021, manifestando meu interesse em iniciar, “do zero”, o curso de enfermagem. A funcionária que me atendeu e informou que eu teria sim essa possibilidade, que uma nova turma do curso de enfermagem iria iniciar ainda em 08/09/2021, pois a instituição teria alcançado o número mínimo de alunos para abrir essa nova turma, e que esta turma teria sua primeira aula do primeiro período do curso de enfermagem na mencionada data. Com base nessas informações, assinei o contrato com a instituição no dia 02/09/2021.

    Porém, ao chegar na instituição, para o que seria o primeiro dia de aula, do primeiro período, de uma nova turma do curso de enfermagem, no dia 08/09/2021, descobri que, naquele dia não haveria essa turma iniciando o curso de enfermagem, que ela não foi criada, e não seria. Então, no dia seguinte ( 09/09/2021) voltei até a instituição e descobri, através do Diretor, disse que, na verdade, a turma do curso de enfermagem já existia, e estava em andamento desde 02/08/2021, ou seja, há mais de um mês da data que me foi confirmada por diversas vezes pelos funcionários do Polo, inclusive, durante minha reunião com o Diretor, na sala dele, recebi novamente, pelo WhatsApp, desta vez por outra funcionária, a confirmação de que no dia 08/09/2021 se iniciou uma turma “do zero” . Apresentei ao Diretor na mesma hora os registros das informações que recebi, e que continuava recebendo, ele reconheceu que estavam erradas e disse que, na verdade, novos alunos estavam entrando, no dia 08/09/2021, numa turma já em andamento.

    Diante disso, solicitei o cancelamento do meu curso e o reembolso do valor investido até o momento: taxa de matrícula no valor de R$10,00 e mensalidade no valor de R$ 279,20. No entanto, o Diretor do Polo, mesmo tendo reconhecido que eu fui vítima de um erro, me informou que o cancelamento seria feito, mas que eu não tinha o direito de receber de volta o valor pago pela taxa de inscrição nem o valor pago pela mensalidade, mesmo tendo assumido anteriormente que eu havia sido vítima de informações erradas, inclusive, durante nossa reunião, o Diretor me instruiu a procurar o PROCON e até me informou como era o passo a passo para abrir um processo no PROCON e posteriormente na justiça. Por fim, recebi na data de 14/09/2021, uma resposta da instituição, emitida pela funcionária, que eu não iria receber de volta nenhum valor, que a faculdade avaliou e não iria me devolver o total de R$ 289,20 investidos. Tentei novamente o contato mas não obtive sucesso, e fui novamente orientada pela própria instituição a procurar a justiça e meus direitos!

    Entrei com o processo no PROCON , mas não houve acordo na audiência que aconteceu em 11/11/2021. Antes de encaminhar o caso para a justiça, fui novamente ao Polo em janeiro de 2022, dessa vez acompanhada do meu advogado, para tentar o seguinte: Matricular-me na nova turma que vai iniciar agora em fevereiro, que realmente começará do zero, porém nas mesmas condições financeiras que foram contratadas por mim em 02/09/2021, além de ter abatida nas mensalidades o valor já pago anteriormente. No entanto, ainda não tive uma resposta favorável, me propuseram abater o valor já pago, porém na última mensalidade, além de eu assumir mensalidades que custam R$ 349,00 ao invés de R$ 279,00, o que não concordo.

    Caso a faculdade não volte atrás, irei realizar minha matrícula, pois preciso e quero estudar, porém não vou aceitar o acordo, vou seguir com o caso anterior para a justiça enquanto estudo na instituição.

    Aguardo o retorno.

    Responder
  3. Meu prazo de desconto da rematrícula era até ontem, tentei pagar mas deu erro , queria saber como faço para conseguir esse desconto novamente.

    Responder
  4. Minha filha precisa apenas de uma assinatura digital pra fazer estágio niguem atende, hrs no telefone, , e um jogo de empurra ninguém resolve nada

    Responder
  5. Bom dia
    Queria meu prontuário, do tratamento que fiz nesta faculdade. Ja estive no local mais não tem ninguém para atender, ligo ninguém atende, está impossível se comunicar.
    Queria so o meu protuario simples assim.

    Responder
  6. Meu nome é Jailson Souza Matias tdesempregado de acordo com a lei não pode impedir de estudar quero voltar senão eu vou no PROCON vou entrar com uma ação judicial Direito Constitucional. Teoria Do Processo. Ética.

    De acordo com a Lei n° 9.870, de 23 de dezembro de 1999, que dispõe sobre as mensalidades escolares, a instituição de ensino não pode impedir que o estudante tenha acesso a todos os seus direitos acadêmicos, no semestre ou ano letivos, sob a alegação de inadimplência.

    Responder

Deixe um comentário