O canal de atendimento ao consumidor pode ser implementado de diversas formas tais como canal telefônico, chat online, email e redes sociais. O importante é saber que todo cliente quer e tem o direito de ser bem atendido, seja lá qual for o produto ou serviço que estiver adquirindo. Está tendo algum problema com algum automóvel da Toyota? Reunimos nesta página os números de telefones da Toyota para reclamações, dúvidas e solicitação de serviços. Além das chamadas telefônicas, você poderá entrar em contato com a Toyota através de outros canais como as redes sociais.

SAC é o Serviço de Atendimento ao Consumidor das empresas prestadoras de serviços e vendedoras de produtos. O objetivo deste canal de comunicação  é resolver as demandas dos consumidores sobre dúvidas, reclamações, cancelamentos, etc. O contado do cliente com o Serviço de Atendimento ao Consumidor deve ser gratuito, isto é, o atendimento das solicitações dos consumidores não pode resultar em qualquer custo.

Quanto à qualidade do atendimento, o SAC deverá obedecer aos princípios da boa-fé, transparência, eficiência, celeridade e cordialidade, além disso, o atendente que lhe prestará o serviço deverá ser totalmente capacitado para lhe prestar o melhor atendimento possível. Você também possui o direito de ter seu contato transferido do atendente do SAC para o setor competente da empresa, que seja devidamente capacitado a atender os seus questionamentos.

É muito comum que os consumidores não entendam a diferença entre SAC e Ouvidoria. O Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) é a forma direta de comunicação entre cliente e empresa para a resolução de problemas e dúvidas. Já a ouvidoria é um canal mais amplo do atendimento ao consumidor. A ouvidoria funciona como se fosse um coletivo de possibilidades que o cliente pode acessar, inclusive em órgãos de defesa do consumidor, antes de entrar de fato com um processo na justiça contra a empresa.

O contato com a ouvidoria deve ser a última tentativa de contato do cliente com a empresa antes de um processo judicial ser iniciado. Para ter acesso à ouvidoria, um cliente precisa primeiramente entrar em contato com o SAC. Se o atendente do SAC não solucionar o problema do cliente, o mesmo deve entrar em contato com a ouvidoria. Finalmente, se o canal de ouvidoria não resolver o problema, o cliente deverá acessar o órgão regulador da categoria ou ir à justiça para garantir seus direitos.

SAC da Toyota

A qualidade Toyota também está presente nos seus canais de atendimento. Com anos de experiência nos mais variados mercados e segmentos de público ao redor do mundo, a empresa desenvolveu uma maneira própria de lidar com seus consumidores, refletindo a sua voz para promover melhorias contínuas nos processos de aquisição de veículos, do primeiro contato com a concessionária, passando pela compra, até os serviços de pós-vendas.

A satisfação dos consumidores Toyota é tão importante que a empresa é a única montadora do Brasil que possui tratativa personalizada às reclamações de consumidores com engenheiros altamente capacitados para solucionar qualquer questão referente aos aspectos técnicos e mecânicos. O Departamento de Relacionamento com o Cliente da Toyota ainda dispõe de uma equipe de profissionais de atendimento treinados para oferecer uma experiência adequada para cada caso, com todas as informações e orientações sobre seus produtos e serviços.

Atendimento Toyota

Estes são os canais de atendimento da Toyota:

  • E-mail Toyota: [email protected]
  • Telefone Toyota: 0800 703 02 06
  • Telefone Exterior: 55 11 4331 5199 (Solicite ligação a cobrar à telefonista local).

Atendimento a reclamações: 2ª a 6ª, das 8h às 20h

Fale Conosco Toyota

Está disponível na página de atendimento da Toyota o formulário Fale Conosco. Através dele você poderá enviar uma mensagem para a equipe de atendimento da empresa. Basta você digitar nome completo, email, telefone e o assunto desejado (elogio, reclamação, informação ou sugestão).

Chat Toyota

A Toyota desenvolveu uma forma fácil para você entrar em contato com a empresa, seja para fazer perguntas, sugestões ou críticas. Está disponível na página de atendimento da Toyota o chat online. Você tem então um canal de comunicação direto com a Toyota.  Horário de atendimento via chat: 2ª a 6ª, das 8 às 19h30 (exceto feriados nacionais).

Recall Toyota

O Recall é um canal exclusivo para convocar os proprietários de veículos Toyota que precisem de alguma revisão ou manutenção por problemas gerados na fabricação. Para saber se o seu veículo está entre os convocados, tenha em mãos o número do chassi. Caso necessite fazer a revisão no seu veículo, procure uma Concessionária Toyota e agende uma visita. Toda a avaliação e o reparo são gratuitos.

Você pode acessar a área de recall através do endereço www.toyota.com.br/servicos/recall/ digitando o chassi do veículo. Lá você também verifica a data do recall, depois pode consultar se ele já foi reparado. Outra forma é ligar no SAC 0800 703 02 06 e selecionar a opção Informações. Uma dica importante é manter seu cadastro sempre atualizado no banco de dados por meio do SAC, pois você será notificado por mala direta em possíveis novas campanhas. O agendamento do reparo pode ser feito on-line no endereço www.toyota.com.br/webagenda.

Assistência 24h Toyota

O Toyota Assistência 24h é válido gratuitamente por 12 meses, contados a partir da data de venda na nota fiscal entregue ao primeiro proprietário do veículo. Após esse período, o serviço poderá ser contratado pelo proprietário por 12 ou 24 meses adicionais em nosso site: www.toyota.com.br/servicos/assistencia-24h/ Para mais informações sobre a renovação do programa, contate a Central de Atendimento Toyota: 0800 703 02 06.

Redes Sociais da Toyota

Abaixo listamos as redes sociais da Toyota. As redes também são um importante canal de atendimento com a Toyota.

Canais de Reclamações dos Consumidores

Sabemos que os canais de atendimento ao consumidor (SAC) e serviços de ouvidoria das empresas deveriam ser suficientes para o consumidor resolver todas suas questões. Mas nem sempre as empresas atendem os clientes da forma adequada. Pensando nisto, preparamos uma lista de canais de reclamação que todo cidadão pode usar para realizar reclamações a respeito de produtos e serviços.

Procons

Os Procons são órgãos vinculados aos governos estaduais que atuam na defesa dos direitos dos consumidores. Os procedimentos variam de acordos com os estados, mas há características comuns. Qualquer pessoa física ou jurídica pode fazer reclamações, que devem ser oficializadas por meio do site www.consumidor.gov.br ou presencialmente nas sedes e postos de atendimento. Não há cobrança de taxas para o auxílio. Alguns Procons possuem sistemas próprios para receber reclamações pela Internet, como é o caso do de São Paulo.

Os órgãos atuam em qualquer relação de consumo, com algumas exceções. No caso do Procon DF, a assistência não ocorre em casos de venda entre particulares, relação entre locador e locatário, multa de trânsito e relação entre advogado e cliente, entre outros. Para fazer a reclamação, é preciso apresentar documento de identificação, comprovante de residência, comprovante da relação de consumo (nota fiscal, recibo, contrato) e outros documentos (como boleto, garantia etc…).

Consumidor.gov.br

O Portal do Consumidor é um recurso criado pelo Ministério da Justiça como parte do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor. A pessoa pode registrar uma queixa e a empresa tem até 10 dias para responder. Esse procedimento só é válido para aqueles fornecedores cadastrados no site. Ou seja, o serviço depende de uma adesão voluntária das companhias.

O portal serve como um canal de comunicação e, no período de 10 dias, a empresa pode dialogar com o consumidor. Ao fim do prazo, precisa dar uma resposta à demanda. Já a pessoa que apresentou a reclamação pode comentar o retorno e dizer se considerou a situação resolvida. Se o problema não for resolvido, o Ministério não promove outro tipo de sanção ou processo administrativo.

Juizados especiais cíveis

Para quem recorre à Justiça, a alternativa mais simples é entrar com uma reclamação em um juizado especial cível, que são instâncias específicas dos tribunais de Justiça de cada estado. Pessoas físicas com mais de 18 anos, micro e pequenas empresas e organizações da sociedade civil podem acessar este recurso.

As reclamações têm limite de 40 salários mínimos. Se o valor da causa for maior, o consumidor só poderá receber até este limite. Se o caso for de valor de até 20 salários mínimos, não é necessário contratar advogado. No entanto, se o valor for superior, a presença deste profissional passa a ser necessária. Os custos de um advogado são definidos em tabelas da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de cada estado.

As reclamações devem ser feitas por escrito, com cópias de documento de identidade, CPF, comprovante de residência e outros documentos que embasem o processo. É preciso ter também dados da pessoa acionada, como nome, endereço, nacionalidade e profissão.

Os juizados especiais buscam resolver os processos por meio de acordos. Para isso são chamadas audiências de conciliação. Caso não haja consenso, o juiz responsável pode determinar uma sanção se considerar que o consumidor está correto em seu pleito.

Justiça comum

Outra opção é apelar à Justiça para resolver um impasse em uma relação de consumo. O consumidor pode recorrer aos juizados especiais cíveis ou acionar o Tribunal de Justiça do seu estado. Para isso, independentemente do valor da causa, é preciso contratar um advogado. Mas nem sempre o juizado especial é mais rápido, pois a agilidade depende da fila de processos.

Site Reclame Aqui

O site Reclame Aqui é um site brasileiro de reclamações contra empresas sobre atendimento, compra, venda, produtos e serviços. É um serviço gratuito, tanto para os consumidores postarem suas reclamações quanto para as empresas responderem a elas. Trata-se de um site no qual consumidores fazem um cadastro de seus dados pessoais e podem enviar reclamações. A política de privacidade do site não permite a identificação do consumidor na publicação das páginas, pois as reclamações feitas são indexadas por motores de busca e visíveis para consulta. O acesso aos dados que foram cadastrados pelo cliente ocorre apenas com a empresa envolvida, para facilitar a busca da resolução do problema. Assim, é transmitida à empresa envolvida um e-mail com os detalhes, caso ela possua um cadastro para respostas no site.

Com os dados gerados, são obtidos rankings automatizados e o Reclame Aqui faz uma avaliação da empresa utilizando diversos critérios próprios. O status máximo de uma empresa no site é possuir o Selo RA 1000, o qual também possui critérios específicos. Os consumidores podem, depois de terem suas questões respondidas pelas empresa, indicar que o problema foi resolvido ou não, além de ter o direito a réplicas e, ao final, mostrar por meio de smiles a sua opinião sobre a resposta da empresa reclamada. A descrição do problema que o cliente publica é avaliada por uma equipe do site antes de ser publicada. Isto ocorre pois sua política não permite conteúdo ofensivo na redação dos usuários

2 thoughts on “Telefone Toyota

  1. possuo um Toyota Corolla ano 2017/2018 que apresenta um constante barulho na suspensão dianteira esquerda, já me dirigi a concessionaria Toyolex-Aracaju 3(três) vezes conforme números das ordens de serviço n 240.156;245.262 e 250.301; no entanto o barulho persiste. Hoje estive na concessionária e para a minha surpresa, durante o teste de rodagem com o chefe da oficina, o mesmo alegou que “esse barulho é recorrente no Corolla” que outros clientes também reclamam do mesmo barulho. Então quer dizer que o carro mais vendido do mundo apresenta um defeito na suspensão que não tem solução? que embora o meu veiculo esteja na garantia, vou ter que conviver com o barulho?
    Além de ter ficado o dia inteiro sem carro, ainda tive que arcar com os custos do deslocamento até a concessionária para NADA!
    Que decepção!!! não esperava isso da montadora TOYOTA, um descaso com o consumidor.

  2. A Toyota faz a propaganda de um carro que não quebra… com menos de 2 anos a bateria descarregou. Tenho um Etios Platinum que peguei zero Km. Em menos de 1 ano, a única entrada USB que o carro tem, que é COLADA com um durex dupla face, no porta luvas, devido ao calor, descolou, e desde então tenho que lidar com aquela peça que fica caída no porta luvas, com um fio pendurado, para colocar um
    Pendrive, ou o carregador do celular, sem arrebentar o fio, há que ter muita habilidade. Já fiz várias revisões na concessionária, o carro ainda está na garantia, e ninguém concerta aquilo. O que na verdade foi um grande erro da Toyota… onde já se viu colar uma entrada USB?? A gente improvisa em casa, no trabalho… mas um carro da Toyota??? E como se não bastasse, em dezembro de 2019, 2 anos e meio de uso do carro, a junta homocinetica quebrou. E estou desde o final de 2019 tentando convencer a Toyota de Campos a trocar, porque o carro está na garantia. Agora agendaram para 29 de janeiro. Fora outros percalços que nem lembro. Pagamos por um carro caro, acreditando na sua durabilidade… mas estou muito insatisfeita. Com a Chevrolet, não tive nenhum problema de peças. Isso sem mencionar que há aprox 1 ano atrás tivemos que trocar outra peça que não me lembro qual. a Toyota arcou, pq estava na garantia, mas não era isso que esperava. Desejo trocar de carro agora em 2019, quando vence a garantia, mas decepcionada com a Toyota… pq depois q vencer a garantia, já vi que vou viver com problemas de mecânica. Uma propaganda muito falsa da empresa. O que faço agora com aquele entrada USB, única que o carro tem, e a concessionária não repara??? Vou furar o painel para prender ela???

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.